Redes Sociais

Egito

Egito prepara segurança de cristãos para o Natal

Thaís Garcia

Publicado

em

Imagem: © REUTERS

As forças de segurança egípcias começaram a se espalhar pelo país em uma campanha para proteger locais religiosos antes das celebrações do Ano Novo e do Natal. Uma prioridade está sendo dada às igrejas que foram atacadas antes, bem como às mesquitas sufis.

Os cristãos egípcios celebram o Natal em janeiro, mas as semanas que antecedem a celebração são muitas vezes preenchidas com a preocupação sobre como a sociedade islâmica em geral reagirá à prática aberta do cristianismo.

As igrejas já são frequentemente alvejadas, mas devido ao alto perfil do Natal, a preocupação é maior, pois mais cristãos participam das celebrações. Há um ambiente “privilegiado” de oportunidades para terroristas muçulmanos que buscam atingir o maior número possível de cristãos.

As Forças de Segurança costumam ser implantadas em igrejas durante as épocas de Natal e Páscoa. O Presidente Sisi usou a história dos ataques à igreja para fortalecer seu estado de direito por meio dessas forças.

No entanto, em outros dias do ano, as igrejas não podem contar com uma presença de segurança para protegê-las. Em alguns casos, a segurança estava diretamente envolvida na violência contra os cristãos. Em outros, eles simplesmente fecharam os olhos para a violência e perseguição aos cristãos no país.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Cristã e Correspondente Internacional na Europa.

Parceiros

alan correa criação de sites