Redes Sociais

Mundo

Brandon Tatum lamenta censura contra Parler e diz que Trump é o ‘melhor presidente de todos’

Raul Holderf Nascimento

Publicado

em

Divulgação

O executivo Brandon Tatum lamentou a série de ataques contra a rede social Parler – alvo de censura das grandes empresas de tecnologia.

Até o momento, Google Play, Apple Store e Amazon já anunciaram o desligamento da rede social de suas plataformas.

CEO da Tatum Report e cofundador Blexit, Bradon disse que a Amazon “cometeu um grande erro”.

Em outra publicação, ele reforçou o apoio ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

“Eu ainda apoio Trump. Melhor presidente de todos!”, frisou o executivo.

Conforme vem noticiando o Conexão Política, a rede social tem sido um refúgio para conservadores do mundo inteiro que estão desejando uma rede que não exerça censura.

Mesmo diante de fortes pressões, a plataforma se nega a criar algoritmos e uma equipe de censores para editar o conteúdo criado por seus usuários na plataforma como fazem o Twitter, o Facebook e o YouTube.

A Parler também acena para Donald Trump, dizendo que o presidente americano terá todos os seus direitos garantidos e não sofrerá nenhum tipo de censura.

Diversas autoridades americanas, incluindo o senador Ted Cruz e o congressista Devin Nunes, bem como os familiares e apoiadores proeminentes de Trump, criaram contas nesse novo espaço digital e estão convidando a todos para reforçar apoio à plataforma.

A resistência ultrapassou a tendência que iniciou nos Estados Unidos e já se espalha pelo mundo inteiro.

Milhões de usuários conservadores estão migrando em massa para a nova rede social.

Professor, cristão, colunista, e redator. Amo ciências políticas, sou conservador e nordestino com orgulho.

alan correa criação de sites