Redes Sociais

Mundo

Berlim suspende uso da vacina da AstraZeneca em pessoas com menos de 60 anos

Raul Holderf Nascimento

Publicado

em

Hakan Nural | UnPlash

A cidade alemã de Berlim suspendeu o uso da vacina da AstraZeneca contra a Covid-19 para pessoas com menos de 60 anos.

A interrupção, segundo autoridades, ocorre após relatos de coágulos sanguíneos.

O Instituto Paul Ehrlich, agência reguladora da Alemanha, informou que 31 pessoas tiveram coágulos sanguíneos após a vacinação. Ao todo, 9 morreram, até o momento.

Todos os casos, exceto dois, envolveram mulheres de 20 a 63 anos, de acordo com o instituto.

“Devido aos desenvolvimentos atuais, a cidade decidiu, como Berlim, suspender a vacinação com AstraZeneca para pessoas com menos de 60 anos como uma medida de precaução até que a questão de possíveis complicações para este grupo de pessoas seja esclarecida”, disse um porta-voz.

A decisão foi reforçada por Dilek Kalayci, autoridade de saúde de Berlim, assegurando que as ações devem ser executadas com o máximo de precaução.

Conforme registrou o Conexão Política no início deste mês, uma série de medidas foi tomada em mais de 13 países, visando investigar relatos similares aos de Berlim.

Jornalista, professor e comentarista político. Cobre os bastidores de Brasília no Conexão Política.