Redes Sociais

Egito

Ataque terrorista atinge ônibus turístico e deixa pelo menos 16 feridos no Egito

Thaís Garcia

Publicado

em

Ahmed Fahmy/REUTERS

Neste domingo (19), pelo menos 16 pessoas ficaram feridas na cidade egípcia de Gizé, devido a um ataque terrorista que atingiu um ônibus turístico, informou um funcionário do Ministério da Saúde. Segundo as autoridades, terroristas explodiram bombas caseiras com pregos e pedaços de metal nos arredores das pirâmides.

A maioria das vítimas são turistas estrangeiros. A TV estatal egípcia informou que 25 sul-africanos estavam no ônibus. Mais tarde, o chefe de polícia que liderou a investigação confirmou que vários feridos são mesmo de nacionalidade sul-africana.

Um carro no local também foi atingido e 4 passageiros egípcios foram feridos pelos estilhaços de vidro.

A explosão ocorreu perto do Grande Museu Egípcio, em Gizé, mundialmente famosa pelas pirâmides e a Grande Esfinge. O museu ainda está em construção e será considerado o maior museu arqueológico do mundo. Sua inauguração está prevista para 2020.

Outros atentados

Em dezembro de 2018, três visitantes vietnamitas e um guia local foram mortos no mesmo bairro, por uma bomba na beira da estrada.

Nos últimos anos, terroristas têm perseguido regularmente turistas no Egito. A responsabilidade deste último atentado terrorista ainda não foi reivindicada.


O Conexão Política é um portal de notícias independente. Ajude-nos a continuarmos com um jornalismo livre, sem amarras e sem dinheiro público » APOIAR

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Cristã e Correspondente Internacional na Europa.

alan correa criação de sites