Redes Sociais

Esportes

Itália vai liberar 25% de público em jogos da Eurocopa

Torneio foi adiado para abril deste ano e ocorrerá em 12 países-sede

Davy Albuquerque

Publicado

em

Reprodução | Agência Brasil

O governo da Itália permitirá que torcedores assistam aos jogos do Campeonato Europeu deste ano no Estádio Olímpico de Roma com 25% da sua capacidade, disse a Federação Italiana de Futebol (FIGC) em comunicado nesta terça-feira (13).

A Eurocopa 2020 foi adiada por um ano devido à pandemia de covid-19, e a Uefa, órgão regulador do futebol europeu, pediu aos 12 países-sede que apresentassem seus planos para permitir que torcedores entrem nos estádios até o início de abril. A competição vai ocorrer de 11 de junho a 11 de julho.

Na semana passada, o Comitê Técnico-Científico (CTS) do governo italiano disse que não poderia dar sua opinião antes do prazo final e a Uefa deu até dia 19 de abril para uma decisão.

“Itália e Roma estão dentro. A aprovação do governo da presença do público nos jogos da Eurocopa 2020 em Roma é uma notícia maravilhosa que iremos imediatamente transmitir à Uefa”, disse o presidente da federação, Gabriele Gravina, em nota.

Roma deve receber três jogos da primeira fase – incluindo a partida de abertura do torneio entre Itália e Turquia, no dia 11 de junho – e uma das quartas de final.

Com informações, Agência Brasil.

Nasci no estado do Rio de Janeiro. Sou brasileiro com orgulho, cristão por convicção e política por vocação. Colunista político do Conexão Política.