Caso Damares: Resposta do Conexão Política a Rogério Chequer

Autor: 2 Comentários Compartilhar:
Imagem: Divulgação | Novo

Nesta segunda-feira, 11, Rogerio Cheger, do partido Novo, não se conteve ao demonstrar total ignorância e preconceito em seu comentário sobre a futura ministra Damares Alves.

Segundo ele, valores religiosos não podem tocar a política — o que em si já é um absurdo tal pensamento em pleno Ocidente.

Chequer fala que aborto é questão de saúde pública, ou seja, usou um jargão puramente de militância, de um tema complexo que, pouco é debatido no Brasil pela falta de tolerância dos progressistas por parte de ideais pró vida.

E cá entre nós, de onde ele tirou que a Damares não representa as mulheres? Sendo que a maioria das mulheres são cristãs e pró vida? Usou argumentos puramente falaciosos com linguajar recheado de jargões de militância.

Post anterior

Jair Bolsonaro diz que é ‘vergonhoso’ ver setores da grande mídia debocharem da fé de Damares em Jesus Cristo

Próximo post

Mídia jornalística faz piada com tentativa de suicídio de ministra após ser estuprada

Você pode gostar também:

2 Comentários

  1. ESTE SR MOSTRA O TAMANHO DE SUA IMBECILIDADE,MUDA BRASIL MUDA DE VERDADE FAMÍLIA BRASILEIRA ACIMA DE TUDO DEUS ACIMA DE TODOS 🇧🇷🇧🇷🇧🇷

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.