Redes Sociais

Coluna

Fernando Holiday anuncia saída do MBL; opositores veem estratégia política

Miguel Gomes

Publicado

em

Reprodução

Um dos dos principais líderes do Movimento Brasil Livre (MBL), o vereador Fernando Holiday (DEM-SP), anunciou sua saída do movimento.

Supostamente, a falta de prioridade do movimento nas causas de oposição ao aborto e defesa de causas LGBTQ+ são apontadas como principais motivos de sua saída. O vereador considera esses temas fundamentais no debate público.

Além disso, a futura eleição na Câmara dos Deputados e no Senado Federal traz à tona um “racha” no Movimento Brasil Livre.

Holiday chegou a dizer que a saída dele poderia causar “um impacto inicial para o movimento”.

O vereador, que atualmente está no segundo mandato, cogita se candidatar a deputado federal em 2022, mesmo cargo que hoje atua Kim Kataguiri, ex-colega de movimento.

Já os internautas, opositores do movimento, sugerem que há uma grande estratégia política por trás da saída de Fernando Holiday do grupo, uma vez que, sem muito prestígio, a popularidade do MBL não é mais a mesma desde o rompimento do grupo com a ala conservadora e, principalmente, com o presidente Jair Bolsonaro.