Votação da #LeiDoRetrocesso é adiada para o dia 28

Autor: Nenhum comentário Compartilhar:
Imagem: Uber

As polêmicas econômicas não são de exclusividade do Correios. Amanhã irá ocorrer uma votação que poderá mudar a vida de 500 mil famílias brasileiras, a chamada “Lei do Retrocesso” será votada na Câmara dos Deputados.

Não é uma lei federal que pode e deve regulamentar esse assunto e nem devemos ter uma regra nacional que impeça os aplicativos. Isso seria um retrocesso para o Brasil, mas principalmente, um retrocesso para mais de 20 milhões de brasileiros que hoje utilizam os aplicativos também, além dos táxis, Rodrigo Maia.

Há uma disputa, que acredito que ajuda, quanto mais disputa de sistemas distintos, mais oportunidades e alternativas a sociedade tem para escolher, Rodrigo Maia.

O autor dessa lei vergonhosa foi um deputado do PT, Carlos Zarattini, onde essa “pequena regulamentação” vai sim atrapalhar centenas de trabalhadores – vai encarecer um serviço e  atrasar mais ainda a economia do Brasil.

Definitivamente para a economia brasileira, o dia 27/02/2018 foi o dia do retrocesso.

Post anterior

Em São Paulo, maior colégio eleitoral do país, Jair Bolsonaro lidera em todos os cenários

Próximo post

Correios pretende aumentar o valor dos fretes em 51%

Você pode gostar também:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.