Redes Sociais

Rio de Janeiro

Justiça do Rio autoriza perícia nos celulares de acusados no assassinato de Marielle Franco

A Justiça autorizou, a pedido do Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ), uma perícia particular para ajudar na investigação da morte da vereadora Marielle Franco e do motorista dela, Anderson Gomes.

Danielly Jesus

Publicado

em

Justiça do Rio autoriza perícia nos celulares de acusados no assassinato de Marielle Franco 20
Márcia Foletto | Agência O Globo

A pedido do Ministério Público, a Justiça autorizou que fosse realizada uma perícia nos cinco celulares apreendidos com Ronnie Lessa e Élcio Queiroz, presos em Março, acusados da participação do assassinato da vereadora do PSOL, Marielle Franco. O crime completa um ano nesta quinta-feira (1).

Os aparelhos foram enviados para uma empresa em São Paulo.

Os investigadores pretendem vasculhar conversas em aplicativos de troca de mensagens criptografadas, fotos, áudios e vídeos.

O órgão público incumbido das perícias oficiais – no caso, o Instituto de Criminalística Carlos Éboli – não dispõe de tecnologia adequada para a devida extração dos dados contidos nos aparelhos iPhone (Apple), haja vista que se encontram bloqueados com senhas de acesso”, diz o documento emitido pelo Ministério Público (MPRJ).

O pedido do MPRJ foi anexado ao processo dias depois de um ofício em que a Polícia Civil informava não ter conseguido extrair dados dos celulares, bloqueados com senha.


O Conexão Política é um portal de notícias independente. Ajude-nos a continuarmos com um jornalismo livre, sem amarras e sem dinheiro público » APOIAR

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Parceiros

Publicidade

alan correa criação de sites