Redes Sociais

Rio de Janeiro

Biometria: tire suas dúvidas sobre o cadastramento para as próximas eleições

Redação

Publicado

em

Foto: Reprodução

A partir desta sexta-feira (2) inicia-se uma nova etapa de cadastramento biométrico obrigatório para eleitores do estado do Rio de Janeiro. Nos municípios em que não há cartório eleitoral, o Tribunal Regional Eleitoral vai instalar postos de atendimento para o eleitor. Para saber se precisa fazer a biometria, foi disponibilizada uma ferramenta de consulta no site do próprio tribunal.

Estão dispensados de realizar o procedimento os eleitores que já tiveram a biometria validada nas urnas nas eleições do ano passado (quando dados do Detran foram importados para o cadastro da Justiça Eleitoral) e também as pessoas que já fizeram a coleta biométrica na Justiça Eleitoral.

Entenda como funciona a biometria

A biometria funciona como identificador no momento da eleição, para evitar fraudes. Ela é realizada por meio de um leitor biométrico que é acoplado à urna eletrônica.
A coleta é realizada no ato de atendimento em cartório ou num posto de atendimento da Justiça Eleitoral. O procedimento envolve o cadastro das impressões digitais, fotografia e assinatura digitalizada.

O TRE recomenda que quem ainda não tenha cadastrado os dados biométricos, que compareça no cartório de origem para adiantar a coleta da digital antes que o procedimento seja obrigatório. Isso pode ser feito agendando o atendimento.
Para ser atendido é preciso levar:

  • Documento de identificação oficial com foto;
  • Comprovante de residência (até três meses de emissão);
  • Título de eleitor (se possuir);
Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

O Conexão Política é um portal de notícias independente — compromissado em transmitir os fatos. Analisamos e cobrimos os principais assuntos da política. Contribua: apoia.se/conexaopolitica

alan correa criação de sites