Redes Sociais

Brasil

‘Estou disposto a disputar o governo de SP em 2022’, diz Boulos

Para ele, eventual aliança com o PT é ‘uma via de mão dupla’.

Raul Holderf Nascimento

Publicado

em

Kelly Fuzaro | Band

Em entrevista à Folha de S. Paulo, o ativista Guilherme Boulos, do PSOL, afirmou estar “disposto a assumir o desafio de disputar o governo de São Paulo em 2022”.

Em 2020, Boulos chegou ao segundo turno na disputa pela capital paulista, sendo derrotado pelo candidato Bruno Covas, que foi reeleito. O Psolista recebeu 2.168.109 votos.

Um dos principais objetivos, segundo ele, é colocar um fim definitivo no ‘tucanistão’, em referência aos longos anos de governos do PSDB no estado.

“[…] Já deu. Tem um cansaço, um desgaste do PSDB com essa mesmice tucana governando o estado há mais de 30 anos. Uma capitania hereditária com histórico de roubalheira, máfia da merenda, do metrô, do Rodoanel […]”, afirmou.

Ele, que defende a unidade da esquerda para apresentar um candidato único contra Jair Bolsonaro nas eleições presidenciais do ano que vem, diz que o nome progressista mais forte é do petista Luiz Inácio Lula da Silva.

“Eu defendo essa unidade nacional do campo progressista. Temos que ver qual é o nome que vai ter melhores condições de derrotar o Bolsonaro em 2022 […]”, justificou.

Em março, o Conexão Política noticiou, com exclusividade, o plano de Lula para 2022.

Jornalista, professor e comentarista político. Cobre os bastidores de Brasília no Conexão Política.