Redes Sociais

Brasil

Ministro do TSE concede liminar e derruba inelegibilidade de Marcelo Crivella 

Marcos Rocha

Publicado

em

Agência Brasil

O ministro Mauro Campbell Marques, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), suspendeu na noite desta última segunda-feira (12), em caráter liminar, a inelegibilidade do prefeito do Rio de Janeiro/RJ, Marcelo Crivella (Republicanos), que busca a reeleição.

A informação foi divulgada pela assessoria de imprensa do tribunal, nesta terça-feira (13).

Crivella havia sido considerado inelegível por oito anos, em setembro deste ano, em julgamento colegiado do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ).

Ele foi condenado por abuso de poder político, pela participação de funcionários da estatal Companhia de Limpeza Urbana (Comlurb) em um encontro de apoio a seu filho, Marcelo Hodges Crivella (Republicanos), que concorria a deputado federal, em 2018, mas não se elegeu.

Em nota, Crivella disse que já foi inocentado no episódio em uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Câmara dos Vereadores e que não houve abuso de poder político porque seu filho perdeu a eleição.

A decisão do ministro, no entanto, tem apenas caráter liminar, portanto o caso ainda será julgado pelo plenário do TSE, em data a ser definida.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Editor-chefe do Conexão Política; residente e natural de Campo Grande/MS | FALE COMIGO: [email protected]

alan correa criação de sites