Redes Sociais

Brasil

Ministério da Saúde aprova protocolo da CBF para volta de 30% do público aos estádios

Marcos Rocha

Publicado

em

Estádio do Morumbi

O Ministério da Saúde aprovou o estudo enviado pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) que prevê o retorno de público de até 30% nos estádios de futebol nos jogos do Campeonato Brasileiro da Série A.

O aval do governo à entidade foi feito por meio de ofício do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, que endereçou o documento a Rogério Caboclo, presidente da confederação.

A exigência é que cada estado e município adote uma política sanitária e um protocolo de saúde para receber os torcedores.

“A abertura, em um primeiro momento, ocorra para até 30% da capacidade dos estádios para os torcedores (podendo ser aumentado esse percentual, em momentos posteriores), conforme decisão do gestor local, que, dentre outros aspectos, levará em consideração a variação da curva epidemiológica, a taxa de ocupação de leitos clínicos e leitos de UTI e a capacidade de resposta da rede de atenção à saúde local e regional”, diz trecho do ofício.

Vale destacar que a aprovação do protoloco não significa a volta imediata do público nas partidas de futebol.

Com o sinal verde do Ministério da Saúde, a CBF ainda fará reunião com os representantes dos clubes para que seja definida a data específica de quando a medida poderá ser colocada em prática.

“O principal objetivo é zelar pela saúde física e mental, assim como pelo bem-estar de todos os envolvidos no espetáculo, mediante o cumprimento de diretrizes das autoridades competentes”, diz o documento.

Editor-chefe do Conexão Política; residente e natural de Campo Grande/MS | FALE COMIGO: [email protected]

alan correa criação de sites