Redes Sociais

Brasil

Maia demonstra repúdio a comemoração da revolução de 64: “Sou filho de exilado político”

Redação

Publicado

em

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (Imagem: Fátima Meira/Futura Press/Folhapress)

Questionado decisão do presidente Jair Bolsonaro de autorizar comemorações da tomada do poder pelos militares em 1964, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, afirmou: “Sou filho de exilado político”.

O pai de Rodrigo Maia é o ex-prefeito do Rio de Janeiro Cesar Maia, exilado no Chile durante o regime militar.

O presidente Jair Bolsonaro, nesta segunda-feira (25), determinou ao Ministério da Defesa que prepare as “comemorações devidas” para a ocasião.

As informações são de Andreia Sadi, do G1.

 

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

O Conexão Política é um portal de notícias independente — compromissado em transmitir os fatos. Analisamos e cobrimos os principais assuntos da política. Contribua: apoia.se/conexaopolitica

alan correa criação de sites