Redes Sociais

Brasil

Justiça determina que Alexandre Frota remova posts com ofensas a juiz

Raul Holderf Nascimento

Publicado

em

Imagem: Reprodução

O ator Alexandre Frota deverá apagar todas as publicações das suas redes sociais que fazem menção ao juiz Luís Eduardo Scarabelli. Frota deverá também publicar em seus perfis na internet um texto escrito pelo magistrado, de acordo com a liminar concedida nesta terça-feira (19), pela juíza Tonia Yuka Kôroku, da 13º Vara Cível do Foro Central de São Paulo. A decisão foi proferida em caráter liminar (provisório), e cabe recurso.

Em outubro deste ano, Frota afirmou em vídeo publicado nas redes sociais que o juiz é “ativista e integrante do movimento gay” e que o magistrado “não julgou com a cabeça, julgou com a bunda” ao absolver a ex-ministra Eleonora Menicucci em ação por danos morais ajuizada pelo próprio Frota.

O não cumprimento da liminar será punido com multa diária de R$ 1 mil, até o limite de R$ 200 mil.

Jornalista, professor e comentarista político. Cobre os bastidores de Brasília no Conexão Política.