Redes Sociais

Eleições

FHC: “Eu me dou com Haddad. Nunca vi o Bolsonaro”

Raul Holderf Nascimento

Publicado

em

Imagem: Reprodução | Facebook

Em entrevista ao Estadão, Fernando Henrique Cardoso negou “apoio automático” a Fernando Haddad, mas disse que não votará em Jair Bolsonaro.

Questionado sobre se existe possibilidade de apoio, o tucano respondeu:

“Eu não diria aberta, mas há uma porta. O outro não tem porta. Um tem um muro, o outro uma porta. Figura por figura, eu me dou com Haddad. Nunca vi o Bolsonaro”.

Meses atrás, em entrevista, FHC disse que nunca fechou portas para nenhum tipo de relacionamento com partidos e que um apoio mútuo entre PSDB e PT pode ocorrer caso Bolsonaro passe para segundo turno.

“Espero que o PSDB vá para o segundo turno e acho que o PT espera a mesma coisa, mas dependendo das circunstâncias, eu não teria nenhuma objeção a isso”, declarou FHC.

O ex-presidente tucano é um crítico ferrenho de Jair Bolsonaro e já havia demonstrado em outras ocasiões que tem muito medo de ver o militar reformado no Palácio do Planalto.

“Conheço Lula muito bem, mas não conheço Bolsonaro. O Lula tem partido, história, trajetória, você pode gostar ou não, mas ele tem compromisso. Já Bolsonaro é um homem autoritário”, finalizou.

Professor, cristão, colunista, e redator. Amo ciências políticas, sou conservador e nordestino com orgulho.

alan correa criação de sites