Redes Sociais

Economia

Silva e Luna toma posse na Petrobras e fala em reduzir volatilidade de preços

Marcos Rocha

Publicado

em

Marcelo Camargo | Agência Brasil

O general Joaquim Silva e Luna tomou posse nesta segunda-feira (19) como presidente da Petrobras. Ele foi indicado pelo presidente Jair Bolsonaro em substituição ao economista Roberto Castello Branco.

Em seu discurso, Silva e Luna disse que não há dúvidas de que, entre os principais desafios, estão tornar a estatal cada vez mais forte, trabalhando com visão de futuro, segurança, respeito ao meio ambiente, aos acionistas e à sociedade para garantir o maior retorno possível ao capital empregado.

“Crescer sustentado em ativos de óleo e gás de classe mundial, em águas profundas e ultraprofundas, buscando incessantemente custos baixos e eficiência. E fazer tudo isso conciliando os interesses de consumidores e acionistas, valorizando os nossos petroleiros, buscando reduzir volatilidade sem desrespeitar a paridade internacional, perseguindo a redução da dívida, investindo em pesquisa e desenvolvimento e contribuindo para a geração de previsibilidade ao planejamento econômico nacional”, declarou.

O mercado reagiu bem às declarações do novo presidente da Petrobras. Às 12h40, as ações ordinárias da companhia subiam 4,36%, e as preferenciais, 3,75%.

FALE COMIGO: [email protected] — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).