Redes Sociais

Brasil

Correios entra na lista de privatização do governo Bolsonaro

Matheus F. Romero

Publicado

em

O presidente Jair Bolsonaro (Imagem: Agência Brasil)

A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) entrou na lista de privatização do governo federal, informa o G1.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, já autorizou os procedimentos para a privatização da estatal.

Para o governo, o modelo de negócios da empresa está ultrapassado, porém, há alto valor estratégico na estatal.

Em entrevista a GloboNews na noite de quarta-feira (17), o ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que o presidente Jair Bolsonaro havia incluído uma nova empresa no programa de privatização.

Durante a corrida pelo Planalto no ano de 2018, o presidente Jair Bolsonaro havia citado a possibilidade da venda da estatal, caso fosse eleito.

Segundo fontes, o ministro das Comunicações, Ciência, Tecnologia e Inovação, Marcos Pontes, que resistia à ideia de privatização da estatal – que é subordinada ao ministério que comanda – já está sensível a ideia da privatização.

As informações são de Cristiana Lôbo, do G1.


O Conexão Política é um portal de notícias independente. Ajude-nos a continuarmos com um jornalismo livre, sem amarras e sem dinheiro público » APOIAR

Estudante, músico e defensor da liberdade.

Publicidade
22 Comentários

22 Comments

  1. Avatar

    Luiz Neto

    21.04.2019 at 17:43

    Muito bom! Melhor ainda se vendessem para pelo menos quatro empresas diferentes, com cada uma abrindo quatro empresas concorrentes para acabar com o monopólio do serviço de correios no Brasil, semelhante como é no ramo da telefonia celular.

  2. Avatar

    waldemir marques

    20.04.2019 at 10:12

    tem de privatizar até ao uso da privada do palácio da alvorada. sou privativista ao extremo, se possível o governo seria privatizado. tem de colocar a petrobrás neste círculo para acabarem as mamatas, o mal do Brasil é o dinheiro público porque ninguém pensa que tem dono, quando os donos são os cidadãos que recebem serviços públicos caros e de má qualidade.

  3. Avatar

    José Cacio

    19.04.2019 at 14:11

    È verdade que os Correios como toda empresa pública tem seus problemas, no entanto no caso desta com mais de 100 mil funcionnários concursados que em sua esmagadora maioria trabalham mais que qualuqer um da iniciativa privada para manter algum padrão de qualidade nos serviços, existem alguns aspectos a considerar: Somente um deles: Cerca de 40% das agências localizadas trabalham com prejuizo não por causa de altos salários e sim por não existir faturamento suficiente para manter a estrutura de tratamento e distribuição dado ao baixo volume de encomendas e cartas postais a serem entregues. É preciso levar em conta que por várias decisões judiciais os Correios são obrigados a atender regiões em o mínimo de viabilidade econômica. A pergunta é: Qual empresa irá trabalhar no projuízo para manter o cumprimento dessas ações judiciais? ou irá precionar até no STF para acabar com a entrega domiciliar ou solicitar subsídios “dinheiro” do governo para financiar tais entregar como acontece no caso das passagens de ônibus e as respectivas prefeituras? Acredito piamente que cinco anos após a privatização dos Correios não existira mais no Brasil a entrega postal domiciliar, todos os cidadãos terão de pegar suas encomendas e cartas em lugares específicos tal como acontece hoje na China. De qualquer forma, os Correios sempre deram LUCRO, no ano que supostamente deu prejuízo o governo Dilma fez uma “retirada” da empresa no valor de R$ 5 Bilhões de Reais. Calro que este dinheiro deveria voltar para a empresa, o que não aconteceu até hoje. Outro detalhe que deve merecer a atenção é em relação aos funcionários que dedicaram varios anos de suas vidas ao serviço postal e estão na casa dos cinquenta anos e dificilmente conseguirão trabalho noutro seguimento. Um trabalho de realocação socio – profissional desses futuros demissinários deve ser considerado. Tudo isso e mais devem ser considerados no processo de privatização dos Correios.

    • Avatar

      Márcio Martim

      19.04.2019 at 15:24

      Amigo a realidade para os usuários é bem diferente do que vc diz, eu não conheço ninguém que elogia a empresa ”correios”, há bons funcionários mas o serviço como um todo é ruim e a empresa correios não si importa com as reclamações dos usuários, vc pode conferir no site do reclame aqui os correios não respondem as reclamações e porque isso? Na minha opinião é preciso abrir esse mercado pra novas empresas e que as pessoas escolham o melhor serviço.

    • Avatar

      PC Barreto

      19.04.2019 at 19:00

      Como é mesmo? “concursados que em sua esmagadora maioria trabalham mais que qualuqer um da iniciativa privada para manter algum padrão de qualidade nos serviços,” Ou você é cego ou defende o próprio cargo. Por acaso, você conhece todas as empresas privadas deste país e todos os que nela trabalham pra afirmar um absurdo desses? E de que qualidade você fala? Homem seja honesto! O que o governo quer com empresa de correios? Usá-la de vez em quando como cabo eleitoral? Tem é que privatizar tudo mesmo.

  4. Avatar

    IVANILDE ALVES DE OLIVEIRA

    19.04.2019 at 10:10

    Graças a Deus..Privatiza mesmo. Assim nao haverá cargos para incompetentes esquerdistas.
    Lindo.. Lindo…Lindo..
    No futuro Petrobras, BB e CEF..tbm..

  5. Avatar

    Marcus Ritter

    19.04.2019 at 09:59

    ALELUIA, vou ter um serviço de correios, afinal.

  6. Avatar

    Cleber

    19.04.2019 at 09:43

    Que notícia boa!

  7. Avatar

    Alessandro

    19.04.2019 at 08:24

    ALELUIA!!! é isso ae Bolsonaro votei em vc pra isso mesmo, privatiza tudo oq puder e não deixa nada na mão desses corruptos.

  8. Avatar

    *

    19.04.2019 at 03:08

    Daqui a pouco nem nos seremos brasileiros.

    • Avatar

      C Júnior

      19.04.2019 at 08:06

      Tem que privatizar tudo ( o petróleo não é nosso e dos polipolít corruPTos) , correios apesar de nan pagar impostos consegue ter um serviço mais caro e ineficiente que empresas privadas.
      Servero, Dilma nunca mais

  9. Avatar

    16052000

    19.04.2019 at 00:21

    Graças a Deus, já era sem tempo, pagamos caro por péssimo serviço dos Correios, Isso é fato.

    • Avatar

      Petralha

      19.04.2019 at 00:45

      vai pagar baratinho e vai ter um serviço de primeiro mundo, igual com as telefônicas kkkkkk

      • Avatar

        Acordado

        19.04.2019 at 01:53

        Vc usa orelhão??

      • Avatar

        Luiz

        19.04.2019 at 09:36

        Nao existe mas telefonia publica seu burro,e pra vc usar seu celular vc tem que colocar pelo menos 15,00 pra usar 2 minutos…Analfabeto…tem que privatizar seu rabo, ai qualquer tem acesso.

        • Avatar

          Luiz Neto

          21.04.2019 at 17:49

          Esse Luiz (que graças não sou eu) é muito alienado. Com 15 reais eu passo o mês inteiro ligando com meu celular e na época que a Telebrás era estatal a telefonia era um caos, se pagava algo em torno de 5 mil reais por uma linha e tinha que tinha que se esperar uns 4 anos para instalar, lembro bem disso. Ainda bem que privatizaram. Só é contra a privatização esses petistas socialistas retrógrados e os que tem medo de perderem a boquinha dos cabides de empregos.

      • Avatar

        Loped

        19.04.2019 at 12:39

        Oi,gente vai acabar o cabide de emprego dos ladrões e que as coisa estão acontecendo é que Deus é brasileiro.

  10. Avatar

    Isabel Machado

    18.04.2019 at 22:18

    Ufa! Ate que enfim! Aprecio o trabalho do ministro Marcos Pontes, mas não entendia pq ele é contra a privatização.

    • Avatar

      marlonalvesmatos333333

      18.04.2019 at 23:48

      ESTÃO TRAMANDO ALGO! AINDA MAIS DEPOIS DESSA CENSURA AÍ! STF PIADA PRONTA! AGM TEM QUE ATEAR FOGO NESSA MERDA LOGO!

  11. Avatar

    Biroliro Ultraliberal de extrema direita tá honrando meu voto 👍🏻👍🏻🤣🤣

    • Avatar

      THIAGO COSTA CARDOSO

      20.04.2019 at 00:01

      Se não for outra mentira da Globolixo. E se não acontecer outra arregada do bonoro, o rei dos covardes, ai sim vou ficar feliz. Mas por enquanto vou ser cético, bonoro é muito proibicionista e populista. Pra finalizar, se acontecer a privatização dos correios ainda vai faltar 417 estatais federais.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Apoiar

Parceiros

Publicidade

alan correa criação de sites