Redes Sociais

Artigo

O vírus político que assola o Brasil

Miguel Gomes

Publicado

em

Conexão Política conteúdo ®

O Brasil e o mundo vivem aprisionados após o surto da Covid-19. Mas afinal, onde está o real problema?

Sem minimizar os prejuízos da doença, que de fato está infectando milhões de pessoas e ceifando muitas vidas, quero trazer uma pequena reflexão em torno de tudo o que vem acontecendo nos últimos meses.

A política, evidentemente, tem o papel fundamental na potencialização da saúde. Quem detém o poder do estado deve trabalhar incansavelmente com o objetivo de suprir as necessidades básicas de todos os cidadãos. Entretanto, os mesmos que afirmam ter o interesse em salvar vidas são os reais responsáveis por prejudicá-las. O coronavírus, que de fato existe, abriu alas para um grande ‘adereço’: o vírus político, que veio à tona a partir do momento que a pandemia começou a tratar de verbas, licitações e muito, muito dinheiro.

Desde o início do surto da doença, o Brasil segue escandalizado com desvios e mais desvios de verba pública, operados por uma parcela de prefeitos, governadores, parlamentares e empresários. O absurdo é tão grande ao ponto de comercializaram ilegalmente vacinas roubadas.

A verdade está escancara e todos os brasileiros já conseguem entender o que de fato está acontecendo em nosso país. A pandemia tem sido usada como palco para que a liberdade seja retirada de nós.

Politizaram o vírus para incriminar trabalhadores honestos, além de esconderem todas as lambanças que até hoje eles fizeram com o povo, principalmente diante da sucateamento do Sistema único de Saúde (SUS).

Não estou minimizando o surto da Covid-19 no país, pois sei que é real. Contudo, muitas autoridades estão usando um momento bastante delicado para fazer teatro e novamente enganar o povo brasileiro.

A pandemia caiu como uma bomba no colo do brasileiro. A realidade é visível: milhares mortos e um abismo social que não permite que as pessoas fiquem um dia sem trabalhar, porque senão passam fome.

Sem nenhuma surpresa, vemos a cada dia que a esquerda aparelhou o estado brasileiro em quase todas as instâncias. O PT-PSDB, em específico, seguiram a doutrina de enriquecer a elite de comunista enquanto massacraram e subjugaram o povo. Anos e anos de desgoverno resultaram em fome, desemprego e desarmamento.

Falar de desarmamento? Sim! Eles impediram o cidadão de reagir à altura, se preciso, diante de uma eminente escalada autoritária e ditatorial.

Os políticos que estão no poder, em sua maioria, não têm agenda nem plano para o pais. O plano é somente combater o governo Bolsonaro, eleito com mais de 57 milhões de votos.

A desigualdade, que tanto dizem combater, eles realizam fechando as escolas e implantando lockdown infinito.

O plano desses políticos é gerar mais pobreza, fome, desemprego e, sem sobra de dúvidas, uma eterna dependência.

Essa foi a maior lição que aprendemos com eles..

A Covid-19 mata. O vírus político que assola o Brasil também.