Redes Sociais

Análise

Presidente Bolsonaro reforça laços comerciais com países árabes e frustra narrativa da grande mídia aparelhada

Encontro reuniu 37 representantes de embaixadas de países árabes em Brasília.

Raul Holderf Nascimento

Publicado

em

Mandel Ngan | AFP

O Presidente Jair Bolsonaro esteve, nesta quarta-feira (10), em um encontro com 37 representantes de países islâmicos.

O jantar foi promovido pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e pelo Ministério da Agricultura com o objetivo de fortalecer as relações comerciais entre o Brasil e esses países no setor do agronegócio.

De acordo com a CNA, o Brasil mantém relação comercial com 51 países de origem muçulmana.

Para se ter uma ideia, só em 2018, as exportações – especialmente de carne – para essas nações somaram US$ 16,4 bilhões.

“Que esses laços comerciais, cada vez mais, se transformem em laços de amizade, de respeito e de fraternidade (…) Este Governo está de braços abertos a todos (os povos), sem exceção”, afirmou o Presidente.

Estudante de Letras, cristão, colunista, e redator. Amo ciências políticas, sou conservador e nordestino com orgulho. Brasil acima de tudo!

Publicidade
1 Comentário

1 Comentário

  1. Pingback: Bolsonaro vai receber individualmente embaixadores árabes – O Antagonista – Clazoom

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Apoiar

Parceiros

Publicidade

alan correa criação de sites