Redes Sociais

Análise

Confira os gastos de Bolsonaro no Fórum Econômico Mundial em comparação as despesas de Dilma

Ex-presidente Dilma Rousseff fez parada fora da agenda em Lisboa no fim de semana.

Raul Holderf Nascimento

Publicado

em

Alan Santos | PR

O vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ) anunciou neste domingo, 27, nas redes sociais, que o presidente Jair Bolsonaro, teria economizado “um valor absurdamente maior” em viagem a Davos, em relação a ex-presidente Dilma Rousseff.

Uma publicação em sua página oficial no Twitter registrou os gastos da equipe de governo.

Segundo Carlos, a diária do hotel em Davos, de Bolsonaro, custou R$300 e reuniu uma Comitiva de 13 pessoas.

Ainda na publicação, ele diz que a ex-presidente Dilma gastou $10.000 e contou com uma Comitiva de 80 pessoas.

“Confere? Bolsonaro: diária do hotel em Davos, de Bolsonaro: $300 e Comitiva de 13 pessoas – Dilma: diária da suíte presidencial, em Davos: $10.000 e Comitiva de 80 pessoas. Dando um valor absurdamente maior. Alguém viu ou ouviu a mídia comentar alguma coisa?”, escreveu.

Gastos sempre em excesso

Ao comparar a viagem de Dilma a Davos, com suspensão sigilosa e sem estar prevista na agenda em Lisboa, percebe-se que os trajetos oficiais da ex-presidente sempre foram marcados por números altíssimos.

Em janeiro de 2014, em passagem por Portugual, Dilma Rousseff e a comitiva presidencial ocuparam mais de 30 quartos de dois dos hotéis mais caros de Lisboa, como registrou o jornal O Tempo.

A reportagem ainda relata que, a suíte que ela utilizou, no preço da tabela, correspondeu a R$ 26,2 mil (£ 8.000).

Professor, cristão, colunista, e redator. Amo ciências políticas, sou conservador e nordestino com orgulho. Brasil acima de tudo!

Publicidade
2 Comentários

2 Comments

  1. Pingback: Gastos em viagem: Dilma 10 mil, Bolsonaro 300 dólares – Farol.News

  2. Pingback: Gastos em viagem: Dilma 10 mil, Bolsonaro 300 dólares - Estudos Nacionais

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Apoiar

Parceiros

Publicidade

alan correa criação de sites