Lula não será preso dia 24, afirma TRF-4

Autor: 1 comentário Compartilhar:

Imagem: Reprodução

O TRF-4 emitiu uma nota dizendo que o ex-presidente Lula pode não ser preso no dia 24 de Janeiro deste ano. A alegação é que o condenado tem ainda recursos para recorrer, diz:

“Caso confirmada a condenação, a determinação de execução provisória da pena pelo TRF4 só ocorrerá após o julgamento de todos os recursos do segundo grau. Os recursos possíveis são os embargos de declaração, utilizados pela parte com pedido de esclarecimento da decisão, e os embargos infringentes. Este último só pode ser pedido quando a decisão for por maioria e tenha prevalecido o voto mais gravoso ao réu. Por meio deste recurso o réu pode pedir a prevalência do voto mais favorável. Os embargos infringentes são julgados pela 4ª Seção do TRF4, formada pelas 7ª e 8ª Turmas, especializadas em Direito Penal, e presidida pela vice-presidente da corte.”

Enquanto isso, Lula ainda pode percorrer o Brasil fazendo campanha, falando mentiras e provavelmente armando nos bastidores uma forma de se safar da justiça.

Para os esperançosos na prisão do condenado é réu em outros processos, basta acreditar na frase: “A justiça tarda mas não falha”.

Post anterior

Delator afirma que José Serra recebeu R$ 52,4 milhões de propina

Próximo post

Entenda como funcionará o julgamento do ex-presidente Lula

Você pode gostar também:

1 comentário

  1. Nada me consola da tortura de ser brasileira !!

    É uma tortura para os cidadãos de bem ver esse canalha ainda solto e estimulando a violência e a divisão entre os brasileiros.

    É uma tortura ver a mídia corrupta e alimentada por verbas “publicitárias” nos governos petistas, Rede Globo à frente, ainda esconder os crimes do canalha e protegê-lo. E mais: promover a candidatura de um criminoso de alta periculosidade à Presidência da República mesmo depois de tudo o que causou ao Brasil.

    É uma tortura ver empresários de grande porte; artistas; universidades e outros, todos interessados em defender o canalha criminoso para não perder as imensas “mamatas” com nosso dinheiro.

    É uma tortura ver o Poder Judiciário atuando para proteger ao máximo essa figura execrável e criminosa!

    É uma tortura ser brasileira nesses tempos sombrios de possibilidade da volta do canalha maior para promover e efetivar o projeto de poder comunista do Foro de São Paulo e saber que iremos ser iguais à pobre e desgraçada Venezuela .

    Nada me consola da tortura de ser brasileira !

Deixe uma resposta