Presidente do PSL diz que será “orgulho” acolher Bolsonaro no partido e que filiação só depende do pré-candidato ao Planalto

Autor: Nenhum comentário Compartilhar:

O presidente do PSL, Luciano Bivar, afirmou que, se o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) quiser se filiar à legenda e concorrer à Presidência da República, será bem-vindo.

A possibilidade de o deputado vir para o nosso partido e concorrer para presidente nos enche de orgulho”, disse Bivar.

Uma nota divulgada nesta quinta-feira (21), por um dos braços mais liberais do partido, o movimento “LIVRES”, dizia ser Bolsonaro a representação do “autoritarismo e (da) intolerância” e que, portanto, é “antítese completa de nossas ideias”. O presidente do partido disse à revista Época que a nota divulgada anteriormente representa as ideias de uma corrente minoritária.

Jair Bolsonaro havia se comprometido a se filiar ao Patriota, mas devido a vários desentendimentos com o presidente do PEN-PATRIOTA, Adilson Barroso, sua relação com a sigla se desgastou. Poucos acreditam que ele aceitará entrar para a legenda.


Como  havia presumido na minha última postagem sobre o ocorrido, “a nota parece ser apenas uma reação pessoal de Fábio Ostermann, presidente estadual do grupo “LIVRES” no Rio Grande do Sul, e não reflete a posição oficial do partido.”

Post anterior

Presidente do PATRIOTA cogita abandonar o comando da sigla para tentar reconquistar Bolsonaro

Próximo post

William Waack: A seletividade Global é o reflexo da ação política de eliminar os não comprometidos

Você pode gostar também:

Deixe uma resposta